Até o fim













Se eu disser que não passei a noite toda pensando em você, estarei mentindo. E sabe? Eu cansei de mentir. Nem tanto para os outros, mas cansei de mentir para mim. Talvez eu não tenha feito tudo que disse que fiz, e talvez tenha feito coisas que nunca disse. Mas esses detalhes são muito pequenos. E se você se esforçar um pouco, eu entro em contradição, porque não sei o que dizer quando estou com você. E sim, é tão simples assim. Você aparece e preenche minha noite, ou qualquer que seja o horário em que você apareça, e eu subitamente fico feliz. E quando você diz que vai aparecer em tal horário, eu vou te esperar. Te espero e não me incomodo de esperar. Só em você dizer que vem, eu já tenho um motivo para continuar aqui. Acreditando que vai vir com seus sorrisos e sua expressão envergonhada de novo.  E se por acaso não vier, eu ficarei arrasado; mas se vier, eu serei completamente feliz; sim: feliz. Por que a maior felicidade de um homem é poder plantar um sorriso em alguém. E mais ainda, permitir que um seja colhido. Já parou para pensar como os melhores sentimentos se assemelham à jardinagem? Tudo que é bonito é plantado. Nasce, cresce e abre-se em flor. Lembre que não há flor que não seja especial. E você é muito especial para mim. Se for para ser com você, eu vou até o fim. Lembra da música? Que toda vez que você a escute, lembre de mim. Porque toda vez que tocar, eu vou lembrar de você e vou sorrir. Dos seus cabelos cacheados e do seu jeito desconsertado. Que ela seja a nossa música. E seja como for, eu vou até o fim.

9 comentários:

Pontos de Ligação disse...

Oh, talvez esse tenha sido um dos teus textos que eu mais gostei!
Concordo plenamenamente quando dizes que os melhores sentimentos se assemelham à jardinagem, assim como são plantados, eles crescem e se abrem em flor... E é preciso cuidado, amor, cautela, paciência para cuidá-lo enquanto cresce e para que este não morra...
Simplesmente adorei! Lindo texto!

Letícia

Jυℓyαnα ツ disse...

Texto perfeito.
A sua forma de escrever me surpreende e fascina cada vez mais!



;*

Rodolpho Padovani disse...

Esse ficou diferente de seus outros textos, a amor "brotou" nessas linhas. Gostei muito e a analogia com a jardinagem ficou perfeita... sorrisos são flores que a gente planta e colhe. E que tudo isso seja regado e cultivado... até o fim.

Abraços.

JkaLeal disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
JkaLeal disse...

Gostei. Senti uma pitada de Exupèry. Geralmente perdemos as palavras quando estamos frente ao amor. E se isso não acontece.... será que é amor?

Laura Ribeiro disse...

"Só em você dizer que vem, eu já tenho um motivo para continuar aqui"

Nossa!
Surpreendi-me ao visitar teu espaço!
Tua forma de escrever é tão encantadora, este texto em especial me fascinou...
A flor do sorriso é assim mesmo, tão bela e delicada... E como é bela!

Obrigada por estar comigo no Lágrimas de um Anjo.
Abraço,
Laura Ribeiro.

http://docetortura.blogspot.com

Mandy disse...

Oi Cristiano, fico feliz que tenha gostado :) E acho que você imagina o quanto eu fiquei feliz por ter aquele post do Rodolpho dedicado a mim. *--*
Enfim, adorei muito o seu blog tambem viu. E pode ter certeza que eu não vou seguir só porque você também me segue. ;) Eu gostei mesmo.
Beijão
Mandy

Danny disse...

Sinto um ar diferente por aqui...
Outro perfume? Não! Talvez a sopa o aqueceu o coração..(rs)
------
Mentir pra si mesmo..
Não saber o que dizer...
Ter muito pra dizer, mas não saber como organizar os pensamentos...

E nada melhor de que colher os frutos de um sorrisos...

Tenha uma linda semana...
Beijos na Alma.
>>Dani

Flávia disse...

Nossa, adorei esse texto!
Tudo que é ligado ao 'amor' eu gosto! rsrsrs
Adorei sua maneira de escrever.... Tô seguindo o outro blog e agora esse tbm!

Parabéns pelos textos!
beijo